03 July 2009

Ervas, legumes, frutas e flores

Tenho um jardim novo. O velho foi limpo, a terra foi revirada e muitas ervas foram plantadas. Alecrim, louro, orégano, cebolinha e outras tantas que não sei o nome em português (!). E morangos e abobrinhas. E alfazema e girassóis. Presente do Ricardo da Silva. Mineiro arretado que estava de visita e um dia acordou com vontade de arrumar meu quintal.

Ontem a noite, seguindo instruções, reguei todos os canteiros com cuidado. No final me dei conta que a pobre grama, que já tem data marcada para sua execução (vou colocar pedrinhas no lugar dela) estava sedenta. Faz um calor tropical por aqui esses dias - glória a todos os deuses nas alturas e nas profundezas!

Reguei a grama e fiquei pensando no meu pai - ele faz falta. Lembrava de quando morava em Londres, em um apartamento com uma muito pequena, porém muito valorizada sacada. Um dia ele, que andava por aqui, veio da cozinha com uma panela cheia de água para molhar as plantas do minísculo canteiro, na tal minúscula sacada. Pai, isso é tudo erva daninha, eu vou arrancar e plantar umas flores. Enquanto tu não plantares, essas estão aqui e estão vivas. E despejou o conteúdo da panela.

2 comments:

Anonymous said...

bonitinho, esse é o meu tio dedé...
tenho saudade dele tb.
:)
Luz

giovanna said...

que querido, teu pai, ja to aqui com um no na garganta...tais sentida ne querida! entendo totalmente e...totalmente. nao eh facil - mas a gente tem que tocar a bola ne! bjs bjs e abracos pra ti! :)